O seu navegador (Generic Browser 0) está desatualizado. Melhore sua experiência em nosso site!
Atualize Agora

DÊ UM UPGRADE NA SUA PREPARAÇÃO - Torne-se assinante e transforme seus estudos!

CONHEÇA NOSSOS PLANOS

Questões de Português - Morfologia - Verbos para Concurso

Foram encontradas 6.189 questões

Q1328499 Português

AS LETRAS


Na tênue casca de verde arbusto

Gravei teu nome, depois parti;

Foram-se os anos, foram-se os meses,

Foram-se os dias, acho-me aqui.

Mas ai! O arbusto se fez tão alto,

Teu nome erguendo que não mais vi!

E nessas letras que aos céus subiam

Meus belos sonhos de amor perdi!


(Fagundes Varella. Disponível em: www.grude.ufmg.br)

Com base no texto 'AS LETRAS', leia as afirmativas a seguir:
I. Em “acho-me aqui” há o retorno do eu-poético ao local onde está o arbusto.
II. Em “Gravei teu nome”, a forma verbal está no futuro.

Marque a alternativa CORRETA:
Você errou!   Resposta: Parabéns! Você acertou!
Q1328498 Português

AS LETRAS


Na tênue casca de verde arbusto

Gravei teu nome, depois parti;

Foram-se os anos, foram-se os meses,

Foram-se os dias, acho-me aqui.

Mas ai! O arbusto se fez tão alto,

Teu nome erguendo que não mais vi!

E nessas letras que aos céus subiam

Meus belos sonhos de amor perdi!


(Fagundes Varella. Disponível em: www.grude.ufmg.br)

Com base no texto 'AS LETRAS', leia as afirmativas a seguir:

I. Nos dois primeiros versos, o eu-poético lembra um ato que cometeu no passado.
II. No verso “Foram-se os anos, foram-se os meses”, as formas verbais foram colocadas no plural como recurso estilístico, mas a orientação gramatical normativa é a de que elas estejam no singular.

Marque a alternativa CORRETA:
Você errou!   Resposta: Parabéns! Você acertou!
Q1327196 Português

Considere o trecho do texto a seguir e responda àquestão.


    Que desejamos para os nossos filhos? Que eles sejam felizes. Sorrimos ao vê-los por aí a correr, a pular, a cantar, a brincar, pensando nas coisas de criança. Mas enquanto brincam e riem eles não pensam em nós. Se um filho ao se levantar viesse até você e o elogiasse, e agradecesse porque você lhe deu a vida e jurasse amor para sempre, e fizesse a mesma coisa na hora do almoço, e repetisse os mesmos gestos e palavras ao meio da tarde, e de noite fizesse tudo de novo, suspeitaríamos de que alguma coisa não está bem. O que desejamos é que eles gozem a vida sem pensar em nós. Quem pensa demais e fala demais sobre Deus é porque não o está respirando.

(Trecho extraído do texto Deus e a beleza, de Rubem Alves)

Assinale a alternativa que apresenta o modo em que estão empregados os verbos “a correr, a pular, a cantar, a brincar”.
Você errou!   Resposta: Parabéns! Você acertou!
Q1327192 Português

Considere o trecho do texto a seguir e responda àquestão.


    Que desejamos para os nossos filhos? Que eles sejam felizes. Sorrimos ao vê-los por aí a correr, a pular, a cantar, a brincar, pensando nas coisas de criança. Mas enquanto brincam e riem eles não pensam em nós. Se um filho ao se levantar viesse até você e o elogiasse, e agradecesse porque você lhe deu a vida e jurasse amor para sempre, e fizesse a mesma coisa na hora do almoço, e repetisse os mesmos gestos e palavras ao meio da tarde, e de noite fizesse tudo de novo, suspeitaríamos de que alguma coisa não está bem. O que desejamos é que eles gozem a vida sem pensar em nós. Quem pensa demais e fala demais sobre Deus é porque não o está respirando.

(Trecho extraído do texto Deus e a beleza, de Rubem Alves)

A respeito dos verbos “viesse”, “elogiasse” e “agradecesse”, analise as alternativas a seguir e assinale a correta.
Você errou!   Resposta: Parabéns! Você acertou!
Ano: 2017 Banca: UFMT Órgão: UFMT Prova: UFMT - 2017 - UFMT - Administrador |
Q1326566 Português

INSTRUÇÃO: O trecho a seguir traz os dois primeiros parágrafos do artigo de J. R. Guzzo, colunista da revista Veja, intitulado Artigo de imitação. Leia o trecho e responda à questão.


A democracia no Brasil lembra uma dessas fotografias antigas de reis africanos que de vez em quando ilustram livros de história. Muitos deles, ouvindo oficiais do Império Britânico ou outros figurões europeus da época colonial que lhes davam lições de civilização, progresso e bons modos, parecem encantados. Acreditavam, como lhes era dito, que a Europa e as coisas europeias representavam o máximo a ser sonhado por um ser humano – e em geral chegavam à conclusão de que teriam muito a ganhar transformando a si próprios em soberanos civilizados o mais depressa possível. O meio prático de fazer isso, em sua maneira de ver as coisas, era imitar os trajes, jeitos e enfeites dos peixes graúdos que lhes falavam das maravilhas da rainha Vitória ou do imperador Napoleão III. Que atalho melhor para atingir esse estágio superior na evolução das sociedades humanas? O resultado aparece nas fotografias. As mais clássicas mostram uns negros magros, ou gordíssimos, com uma cartola de segunda mão na cabeça, ou um desses capacetes de caçador inglês, calças rasgadas aqui e ali, pés descalços – ou calçados com uma bota só, velha e sem graxa. Uns aparecem com casacas usadas, uma fileira de medalhas no peito e três ou quatro relógios saindo dos bolsos. Outros fazem questão de exibir-se para a câmera segurando um guarda-chuva aberto. É triste. Imaginavam-se nobres, modernos e iguais aos seus pares europeus. Eram apenas uns pobres coitados.

O problema é que nada tinha mudado na vida real. Junto com as novas roupas e os acessórios, as fotos mostram que os retratados conservavam, como sempre, seus colares com ossos, pulseiras de metal e argolas nas orelhas ou no nariz – e a história iria provar com fatos, em seguida, quanto foi inútil todo esse esforço de imitação. Das nações mais evoluídas, suas majestades copiavam os trajes. Não aprenderam as virtudes. Continuaram desgraçando a si e a seu país enquanto eram roubados até o último papagaio pelos que vieram ensiná-los a ter valores cristãos, avançados e democráticos.

(Revista Veja, ed. 2542.) 

A respeito do uso de tempos verbais, assinale a afirmativa correta.
Você errou!   Resposta: Parabéns! Você acertou!
Respostas
1: B
2: B
3: B
4: A
5: D