O seu navegador (Generic Browser 0) está desatualizado. Melhore sua experiência em nosso site!
Atualize Agora
Última chance! Aproveite nossa Black Friday com 35% OFF. Eu quero!

Questões de Concursos

Q367865 Português
LITANIA DOS POBRES

Os miseráveis, os rotos
são as flores dos esgotos.
São espectros implacáveis
os rotos, os miseráveis.
São prantos negros de furnas
caladas, mudas, soturnas.
São os grandes visionários dos
abismos tumultuários.
As sombras das sombras mortas,
cegos, a tatear nas portas.
Procurando o céu, aflitos
e varando o céu de gritos.
Faróis à noite apagados
por ventos desesperados.
Inúteis, cansados braços
pedindo amor aos Espaços.
Mãos inquietas, estendidas
ao vão deserto das vidas.
Figuras que o Santo Ofício
condena a feroz suplício.
Arcas soltas ao nevoento
dilúvio do Esquecimento.
Perdidas na correnteza
das culpas da Natureza.
(...)

(CRUZ E SOUSA, Os melhores poemas de Cruz e Sousa, p.89)
Julgue verdadeiras (V) ou falsas (F) as assertivas acerca da relação entre os aspectos expressivos, gramaticais e semânticos do fragmento do poema:

( ) Na expressão “prantos negros” (v.5), o poeta lança mão de uma figura de linguagem denominada sinestesia.

( ) O substantivo “céu”, na sexta estrofe, tem seu sentido modificado em função dos verbos que o acompanham.

( ) O substantivo próprio “Espaços”, na oitava estrofe, evoca um ser superior a quem se dirige a súplica justificada pelo título do poema.

( ) A unidade de sentido do poema é perturbada pelo fenômeno da elipse, cujo referente não é recuperado no próprio texto.

A sequência correta é:
Você errou!   Resposta: Parabéns! Você acertou!