Questões de Concursos

Próximas questões
Com base no mesmo assunto
Q1770283 Português
Atente ao texto abaixo e responda o que se pede.
No poema “Procura da poesia”, Drummond escreve:
“Penetra surdamente no reino no reino das palavras. Lá estão os poemas que esperam ser escritos. Estão paralisados, mas não há desespero, há calma e frescura na superfície intata. Ei-los sós e mudos, em estado de dicionário. Convive com teus poemas, antes de escrevê-los. Tem paciência, se obscuros. Calam, se te provocam. Espera que cada um se realize e consuma com seu poder de palavra e seu poder de silêncio. [...]
Nesta estrofe entende-se que:
( ) A própria palavra está em silêncio antes de transfigurar-se, aguardando, silente, a revelação, o deslumbramento. ( ) A palavra está sempre explícita, existe em si, como se fora um signo auto-suficiente, que subsiste independente dos jogos das forças sociais. ( ) Apalavra só existe no contraponto das relações, nas quais entram não só quem escreve ou fala e quem lê ou ouve, mas também, os que compõem toda uma ampla e intricada teia de formas de sociabilidade.
O preenchimento CORRETO dos parênteses está na alternativa.

Alternativas