O seu navegador (Generic Browser 0) está desatualizado. Melhore sua experiência em nosso site!
Atualize Agora

Edital do Banco do Brasil causa polêmica entre usuários do Qconcursos.com

Na última semana saiu o concurso público do Banco do Brasil. Muito aguardado para muitos concurseiros, o edital acabou causando polêmica com os estudantes do Qconcursos.com. O motivo? O programa de Informática exigido pelo banco.

Os usuários do site alegam que o conteúdo pedido para um cargo de escriturário (nível médio), com remuneração inicial de R$ 2.718,73, cobra os mesmo conhecimentos de um concurso para programador de nível sênior.

“Esse edital está bem estranho. Prova de escriturário com 5 vezes mais questões de Informática avançada do que de conhecimentos bancários”, escreveu Marcelo Fonseca. “Está na cara que o BB quer selecionar profissionais de TI. Não entendi o motivo de colocar o certame como de Escriturário”, questionou Débora Leite.

Outro usuário, Ederson Júnior, acredita que tantas exigências para um cargo de nível médio é uma forma de reduzir custos. “Um profissional de TI, mesmo sendo nível médio, tem a base salarial maior de que Escriturário. Então, o BB apenas mudou o nome da função edital, mas no final das contas quer profissionais de TI pagando salário de escriturário”, reclamou ele.

Além dos comentários deixados no Qconcursos.com, o assunto virou polêmica também nas redes sociais.

Com a repercussão, o diretor de Gestão de Pessoas do Banco do Brasil, José Caetano Minchillo, deu uma entrevista à Folha Dirigida justificando as mudanças. “Ao longo dos último anos, o Banco do Brasil vem inovando em seus concursos, incluindo e alterando o conteúdo programático a cada seleção, a fim de atender às necessidades de pessoal de diversas áreas do BB”, explicou.

Atribuições do cargo

Os aprovados no concurso terão as seguintes atribuições: comercialização de produtos e serviços do Banco do Brasil S.A., atendimento ao público, atuação no caixa (quando necessário), contatos com clientes e prestação de informações aos clientes e usuários.

Além disso, será responsável pela redação de correspondências em geral, conferência de relatórios e documentos, controles estatísticos, atualização/manutenção de dados em sistemas operacionais informatizados, execução de outras tarefas inerentes ao conteúdo ocupacional do cargo, compatíveis com as peculiaridades do Banco do Brasil S.A.

Conteúdo de informática

Se em 2015, no último certame, o conteúdo cobrado foi apenas de noções de informática, o edital 2018 exige temas de nível superior da Tecnologia da Informação. Entre os assuntos, estão linguagem de programação, como Phyton, além de estruturas de dados e algoritmos.

A prova acontece no dia 13 de maio, com 70 questões de múltipla escolha. A disciplina de informática tem o maior peso, com 25 questões, com valor de 37,5 pontos. Um dos critérios de desempate no concurso é a maior pontuação em Conhecimentos de Informática.

Todas as informações sobre o concurso do Banco do Brasil e o edital completo você encontra no nosso site.

Nosso post teve a colaboração dos professores de informática Frank Mattos e Fernando Nishimura.

Cadastre-se e faça parte da maior comunidade de ensino on-line do Brasil.


Faça login ou cadastre-se para comentar.