O seu navegador (Generic Browser 0) está desatualizado. Melhore sua experiência em nosso site!
Atualize Agora
Descontos de 3º lote só até 20/01. Não perca a novidade da parceria com o Direção Concursos. EU QUERO!

Questões de Concursos

Q994733 Psicologia

Dejours, em seu livro “A Loucura do Trabalho: estudo de psicopatologia do trabalho”, afirma que o medo constitui uma das dimensões da vivência dos trabalhadores quase sempre ignorada por todos os estudos em psicopatologia do trabalho e se distingue da angústia.

Considerando os estudos do autor, analise as afirmações a seguir.


I. A investigação da angústia só deve ser realizada pela psicanálise.

II. O medo está presente em boa parte das ocupações profissionais, exceto nas tarefas repetitivas e nos trabalhos de escritório.

III. O medo é um conceito que não é propriamente psicanalítico, responde por um aspecto concreto da realidade e exige sistemas defensivos específicos.

IV. A angústia é uma produção individual, cujas características só podem ser esclarecidas pela referência contínua à história individual, à estrutura de personalidade e ao modo específico de relação objetal.

V. A angústia resulta de um conflito intrapsíquico, isto é, de uma contradição entre dois impulsos inconciliáveis. Pode tratar-se de uma oposição entre duas pulsões, entre dois desejos, entre dois sistemas (por exemplo: consciente e inconsciente), entre duas instâncias (ego e superego).


Está correto apenas o que se afirma em

Você errou!   Resposta: Parabéns! Você acertou!