O seu navegador (Generic Browser 0) está desatualizado. Melhore sua experiência em nosso site!
Atualize Agora
Última chance de garantir sua Assinatura ilimitada com preço especial de lançamento. Aproveite! EU QUERO!

Questões de Concursos

Q1008478 Medicina
            A.X.S, 24 anos, solteira, foi levada ao serviço de emergência por ter sido encontrada deambulando pelas ruas após ter desaparecido de casa há 1 semana. A paciente apresenta prejuízo importante dos cuidados pessoais e higiene, emagrecida (IMC 17 kg/m2), com atitude desconfiada e hostil. Por vezes, agressiva com a equipe médica e policiais que a levaram ao hospital. O serviço social localizou a família, que informou que a paciente vinha apresentando períodos de agressividade e hostilidade com os irmãos e primos há 6 meses, referindo que estes a estavam envenenando e preocupada com o que poderia comer, ficando, por ocasiões, dias sem se alimentar. Os familiares referem que a mesma ficava no seu quarto mais isolada, falando sozinha e, quando era abordada, gritava e jogava objetos contra eles. Também informam que antes de 6 meses era funcional, e relacionam a piora do comportamento a ter terminado um relacionamento após ter ido numa festa e feito uso de maconha e lança perfumes. Referem que o comportamento da paciente foi piorando ao longo dos meses, tendo por vezes ficado deitada na cama por dias sem se levantar e tomar banho. Alimentava-se apenas quando muito estimulada. Ao exame psíquico, encontrava-se consciente, hipervigil, atitude agressiva em relação ao entrevistador, equipe e família, crítica do estado mórbido prejudicada e discurso com conteúdo persecutório e auto referente, evidências de sinais alucinatórios indiretos. A paciente recusa permanecer no hospital (ser internada) e fica solicitando continuamente alta médica. 
A paciente deseja ir embora, porém a equipe médica acredita que deva permanecer internada. A conduta a ser tomada é
Você errou!   Resposta: Parabéns! Você acertou!