O seu navegador (Generic Browser 0) está desatualizado. Melhore sua experiência em nosso site!
Atualize Agora

Toda aprovação começa com um plano

Planos a partir de 12,00/mês

Questões de Português - Advérbios para Concurso

Foram encontradas 2.276 questões

Q1896144 Português

Leia o texto da tirinha a seguir para responder à questão.



(Estevão, Hector & Afonso – Os passarinhos. Disponível em: http://www. ospassarinhos.com.br/tag/amizade/. Acesso em: 18.05.2018)

Nos trechos do 2º e 3º quadrinhos – Estou preso e sozinho aqui! – e – Pronto! Agora, você não está mais sozinho... – as palavras destacadas expressam, correta e respectivamente, circunstâncias de 
Alternativas
Q1893822 Português

Um diálogo entre amigos:

- O Roberto já chegou aqui?

- Ainda está esperando os amigos no bar.

Alternativas
Ano: 2021 Banca: IBADE Órgão: ISE-AC Prova: IBADE - 2021 - ISE-AC - Agente Socioeducativo |
Q1892906 Português
Leia o texto abaixo e responda ao que se pede.

       Comer bem te faz mais feliz
 
         Já ficou mais feliz depois de comer chocolate ou ainda mais irritado por causa de um desconforto digestivo? Saiba que a conexão entre o seu humor e a sua alimentação pode ser a resposta para isso.
       Estudos mostram uma correlação inversa entre uma dieta rica em açúcares refinados e uma função cerebral prejudicada - até mesmo uma piora dos sintomas de transtornos de humor, como a depressão. Mas o responsável pela sensação de bem-estar não é apenas o cérebro. É no intestino que cerca de 95% da serotonina, conhecida como hormônio da felicidade, é produzida a partir dos alimentos.
     Esse neurotransmissor – que atua no cérebro, estabelecendo comunicação entre as células nervosas, e pode também ser encontrado no sistema digestivo e nas plaquetas do sangue – ajuda a regular o sono e o apetite, a mediar o humor e a inibir a dor. Como a produção da serotonina é no trato gastrointestinal, faz sentido que o funcionamento do sistema digestivo, além de digerir os alimentos, ajude a guiar as emoções.
        Segundo o psiquiatra e professor de pós-graduação da PUC-Rio, Marcus Schwartz, o humor é definido como um estado de espírito, uma sensação generalizada que pode variar normalmente em todos os indivíduos. “No entanto, algumas pessoas apresentam transtornos do humor. Nesses casos, tratam-se de doenças, em que as variações são muito acentuadas, podendo ser uma exaltação ou uma oscilação muito para baixo do humor, o que caracteriza a depressão. Assim, essas doenças requerem tratamentos”, alerta. 
           Em parte, o humor é determinado pelo tipo de flora bacteriana que coloniza o intestino. O órgão é o lar de mais de 500 espécies diferentes desses micro-organismos, que podem afetar o cérebro, processo conhecido como eixo intestino-cérebro. Tais bactérias são necessárias para nos manter saudáveis. Porém, nem todas as espécies são amigáveis. (...)


Fernanda Taveira
No período “Já ficou mais feliz depois de comer chocolate ou ainda mais irritado por causa de um desconforto digestivo?”, as palavras em destaque têm a seguinte classificação morfossintática:
Alternativas
Q1891808 Português

Amor é fogo que arde sem se ver



1 Amor é fogo que arde sem se ver,

2 é ferida que dói, e não se sente;

3 é um contentamento descontente,

4 é dor que desatina sem doer.

5 É um não querer mais que bem querer;

6 é um andar solitário entre a gente;

7 é nunca contentar-se de contente;

8 é um cuidar que ganha em se perder.

9 É querer estar preso por vontade;

10 é servir a quem vence, o vencedor;

11 é ter com quem nos mata, lealdade.

12 Mas como causar pode seu favor

13 nos corações humanos amizade,

14 se tão contrário a si é o mesmo Amor


Luís Vaz de Camões (1524-1580)

A língua portuguesa compõe-se de um conjunto de prescrições e regras que determinam o seu uso, tendo sua classificação gramatical para a língua escrita e falada. Diante disso, observe as palavras em destaque no verso (3) “um contentamento descontente”, pode ser definido como:
Alternativas
Q1891534 Português
Leia o texto abaixo para responder à questão.


     [...] As sacolas de algodão se tornaram uma forma de marcas, de lojas e de supermercados enviarem a mensagem de que são amigas do planeta ou, pelo menos, mostrarem que as empresas estão conscientes do uso excessivo de plástico nas embalagens. [...]

    A adoção generalizada de sacolas de algodão pode, na verdade, ter criado um novo problema.

    Uma sacola de tecido orgânico precisa ser usada 20 mil vezes para compensar seu impacto geral de produção, segundo um estudo de 2018 do Ministério do Meio Ambiente e Alimentos da Dinamarca. Isso equivale ao uso diário durante 54 anos de apenas uma sacola. [...]

    Descartar uma sacola de uma maneira de baixo impacto ambiental não é tão simples quanto se imagina e apenas 15% dos 30 milhões de toneladas de algodão produzidas por ano realmente chegam a depósitos têxteis.

    Mesmo quando uma sacola chega a uma usina de reciclagem, a maioria das tintas usadas para pintar os logotipos nelas têm base de PVC, portanto não são recicláveis; são "extremamente difíceis de decompor quimicamente", disse Christopher Stanev, fundador da Evrnu, firma de reciclagem têxtil baseada em Seattle (noroeste dos EUA). [...]

    Transformar tecido velho em novo é quase tão intensivo no uso de energia quanto fabricá-lo. "A maior pegada de carbono dos têxteis ocorre na fábrica", disse Bédat.

    O dilema da sacola de algodão, segundo Laura Balmond, gerente de projeto da campanha Make Fashion Circular, da Fundação Ellen MacArthur, é "realmente um bom exemplo das consequências imprevistas de pessoas que tentam fazer escolhas positivas, mas não entendem a paisagem completa". [...]

    Sacolas de algodão existem há muito tempo no comércio de luxo [...]. Artigos que nem precisam de proteção contra poeira, como prendedores elásticos para cabelos, tampões orgânicos e produtos para limpeza facial hoje vêm envoltos em um "sleeping-bag". "É simplesmente embalagem sobre embalagem", disse Bédat.

    Isso não quer dizer que o algodão seja pior que o plástico ou que os dois devam ser comparados. Enquanto o algodão pode usar pesticida (se não for cultivado de forma orgânica) e secar rios pelo consumo de água, os sacos plásticos leves usam combustíveis fósseis que emitem gases, não são biodegradáveis e entopem os oceanos.

     Ao comparar os dois materiais, "acabamos em um 'achismo' ambiental que deixa os consumidores com a ideia de que não há solução", disse Melanie Dupuis, professora de estudos ambientais e ciência na Universidade Pace. [...]

   Afinal, a solução mais simples talvez seja a mais óbvia. "Nem todo produto precisa de uma sacola", disse a designer Rachel Comey.


Disponível em: https://www1.folha.uol.com.br/ambiente/2021/08/dificuldade-no-descarte-torna-sacolas-de-algodao-novo-problema-ambiental.shtml.

Acesso em: 31 ago. 2021. (Fragmento adaptado)
Em relação aos termos negritados em “as sacolas de algodão [...] são ‘extremamente difíceis de decompor quimicamente’, disse Christopher Stanev, fundador da Evrnu, firma de reciclagem têxtil baseada em Seattle (noroeste dos EUA).”, assinale a alternativa correta.
Alternativas
Respostas
1: C
2: B
3: E
4: A
5: A