O seu navegador (Generic Browser 0) está desatualizado. Melhore sua experiência em nosso site!
Atualize Agora
OFERTAS COM ATÉ 45%OFF

ÚLTIMA OPORTUNIDADE! Declare sua independência com os menores preços!

Questões de Concurso Para ciências sociais

Foram encontradas 3.287 questões

Q1789873 Sociologia
Em meados do século XIX, Karl Marx (1818-1883), afastando-se da filosofia idealista alemã, buscou compreender o papel do ser humano enquanto agente transformador da sociedade. Já Émile Durkheim (1858-1917) e Max Weber (1864-1920) delimitaram e investigaram vários temas, assim como deram a eles definições sociológicas.
A esse respeito, relacione a COLUNA I com a COLUNA II, associando os autores clássicos da Sociologia aos fragmentos de suas teorias. COLUNA I 1. Émile Durkheim 2. Karl Marx 3. Max Weber
COLUNA II ( ) “A solidariedade social é forte, inclina fortemente os homens entre si, coloca-os em frequente contato, multiplica as ocasiões que têm de se relacionarem. [...] Quanto mais solidários são os membros de uma sociedade, mais relações diversas sustentam, seja entre si, seja com o grupo tomado coletivamente, porque se os seus encontros fossem raros eles não dependeriam uns dos outros, senão de maneira frágil e intermitente”. (Quintaneiro, 2002, p. 81) ( ) “As camadas mais baixas do proletariado – as mais instáveis do ponto de vista econômico, de muito difícil aceso às concepções racionais – e as camadas da pequena burguesia – em decadência proletária ou em constante indigência e ameaçadas de proletarização – são presa fácil de missões religiosas, sobretudo as que adquirem forma mágica ou mágico-orgiástica [...] Sem dúvida é mais fácil que prosperem sobre esse solo os elementos emotivos do que os racionais de uma ética religiosa”. (Quintaneiro, 2002, p. 133) ( ) “Um primeiro pressuposto de toda existência humana e, portanto, de toda história [...] (é) que os homens devem estar em condições de poder viver a fim de “fazer história”. Mas, para viver, é necessário, antes de mais nada, beber, comer, ter um teto onde se abrigar, vestir-se etc. o primeiro fato histórico é, pois, a produção dos meios que permitem satisfazer essas necessidades, a produção da própria vida material; trata-se de um fato histórico; de uma condição fundamental de toda a história, que é necessário, tanto hoje como há milhares de anos, executar, dia a dia, hora a hora, a fim de manter os homens vivos”. (Quintaneiro, 2002, p. 32)
Assinale a sequência correta.
Q1789872 Sociologia
Analise as afirmativas a seguir relativas ao trabalho nas sociedades modernas.
I. Uma das características mais distintivas do sistema econômico das sociedades modernas é a existência de uma divisão do trabalho extremamente complexa: o trabalho passou a ser dividido em um número enorme de ocupações diferentes nas quais as pessoas se especializam. II. As mulheres que trabalham fora historicamente se concentraram em ocupações mal remuneradas, que envolvem atividades de rotina. Muitos desses empregos são extremamente marcados pelo gênero. Apesar da igualdade formal em relação aos homens, as mulheres ainda passam por diversas situações de desigualdade no mercado de trabalho. III. Há quem fale na “morte das carreiras” e no advento do trabalhador de portfólio – aquele que possui e apresenta diferentes habilidades, afirmando que tem condições de se deslocar prontamente de um emprego para outro. Assim, por qualquer ângulo que seja observada, a flexibilização do trabalho é considerada uma prática benéfica à sociedade.
Estão corretas as afirmativas
Q1789871 Sociologia
Sendo a sociedade uma realidade ao mesmo tempo objetiva e subjetiva, qualquer adequada compreensão teórica relativa a ela deve abranger ambos esses aspectos, que recebem correto reconhecimento se a sociedade for entendida em termos de um processo dialético em curso, composto de três momentos: exteriorização, objetivação e interiorização. Somente depois de ter realizado a interiorização é que o indivíduo se torna membro da sociedade, o que se dá pelo processo ontogenético da socialização – primária e secundária. Com relação ao processo de socialização, assinale a alternativa incorreta.
Q1789869 Sociologia
Se, pois, deve haver uma ciência cujo objeto seja a sociedade, e nada mais, deve ela unicamente propor-se como fim de sua pesquisa estas interações, estas modalidades e formas de sociação. Tudo mais que se encontra no seio da “sociedade”, tudo que se realiza por ela e em seus limites, não é propriamente sociedade, mas simplesmente um conteúdo que desenvolve esta forma de coexistência ou é por ela desenvolvido; somente se produz a figura real chamada “sociedade”, no mais amplo e costumeiro sentido do termo, quando se juntam conteúdo e forma.
 SIMMEL, Georg. Sociologia. Org.: Evaristo de Moraes Filho.
Trad. Carlos Alberto Pavanelli. et al. São Paulo: Ática, 1983.
Considerando a afirmação do autor, avalie as seguintes asserções e a relação proposta entre elas.
I. Os indivíduos são portadores concretos e imediatos de toda a realidade histórica e de tudo o que neles há, como instinto, interesse, fim, inclinação, estado ou movimento psíquico, ou seja, tudo que é capaz de originar ação sobre outros ou a recepção de suas influências. Tudo isso, então, é o que compõe o conteúdo ou a matéria da sociação, PORQUE II. o início da sociação se dá quando a coexistência isolada dos indivíduos utiliza formas determinadas de cooperação e de colaboração, presentes no conceito geral da interação. Os indivíduos constituem a unidade dentro da forma que é sociação e é dentro dessa forma, realizada de diversas maneiras, que os indivíduos realizam seus interesses, tangíveis ou ideais, momentâneos ou duradouros, conscientes ou inconscientes, impulsionados casualmente ou induzidos telelogicamente. A respeito dessas asserções, assinale a alternativa correta.
Q1789868 Sociologia
Quando a sociedade passa por mudanças dramáticas, as pessoas começam a pensar sobre o mundo que as cerca. Isso propiciou o nascimento da Sociologia, uma forma de estudar o comportamento das interações e organizações humanas. Analise as afirmativas a seguir, relativas aos fatores determinantes para o surgimento da Sociologia.
I. O Iluminismo foi um movimento intelectual que engendrou uma forma de pensar mais sistemática sobre as mudanças ocorridas na sociedade, com vistas ao rompimento com a influência da religião, da tradição e do dogma do pensamento intelectual. II. No século XVIII, os antigos sistemas feudais começaram a abrir caminho para o trabalho autônomo que promovia a indústria nas áreas urbanas, novas formas de governo começaram a desafiar o poder das monarquias. Assim, as instituições da sociedade foram alteradas para sempre. III. A Revolução Francesa acelerou o pensamento sistemático sobre o mundo social, sobretudo por ter sido uma revolução violenta, que teve o poder de derrubar o velho regime, deixando questionamentos sobre como a sociedade poderia ser reconstruída a fim de evitar eventos dramáticos, como foi a Revolução de 1 789.
Estão corretas as afirmativas
Respostas
1: A
2: A
3: B
4: B
5: D