Atualizando histórico

Estamos atualizando seu histórico de questões resolvidas, por favor aguarde alguns instantes.

Menu
Cadastre-se

Questões de Concursos - Questões

ver filtro
filtros salvos
  • Você ainda não salvou nenhum filtro
    • Apenas que tenham
    • Excluir questões
    salvar
    salvar x
    limpar
    1 questão encontrada
    Ano: 2010
    Banca: ZAMBINI
    Órgão: PRODESP

    O problema da segurança da informação digital é um desafio relevante nas sociedades atuais, devido ao crescente uso da Tecnologia da Informação (TI), pois cada vez mais a informação digital é um “patrimônio” para as organizações. De um lado, constata-se que a TI vem auxiliando a realização automatizada das diversas atividades associadas  aos negócios ou campos de atuação das organizações. Por outro lado, estas crescentes automatizações (dos processos organizacionais) podem permitir a ocorrência de riscos de ataques ao ambiente computacional das organizações, permitindo, por exemplo, a revelação e/ou modificação não autorizada de informações digitais, bem como possibilitando algum tipo de fraude. Por esta razão, é imperioso o uso de controles, ou seja, medidas de segurança da informação de caráter técnico, organizacional ou humano para diminuir tais problemas, principalmente em sistemas críticos como os existentes em sistemas criptográficos. De acordo com pesquisa de segurança da informação, realizada nos Estados Unidos, “ameaças como vírus, acesso não autorizado, furto de notebook e roubo de informação proprietária das organizações são responsáveis por mais de 70 % das perdas financeiras das empresas” [Gordon et al. (2006)].

    Com base nos conceitos, metodologias e objetivos da auditoria, julgue corretamente as afirmativas como verdadeiras (V) ou falsas (F) e assinale a alternativa correspondente


    I - Na auditoria, com o registro muito grande de eventos, haverá problemas de espaço para tanta informação, lentidão do sistema e acúmulo demasiado de informações. Registrando pouco, corre-se o risco de não identificar justamente aquela ação que permitiria desvendar o problema.


    II – Quando o objetivo da auditoria é a detecção de invasões do sistema, a melhoria do sistema ou mesmo a prevenção pela detecção de tentativas de quebra de segurança, é imprescindível que a trilha de auditoria seja periodicamente revista


    III – Nem todo usuário deve ser responsabilizado por seus atos.


    IV - No dimensionamento da trilha de auditoria, deve-se sempre trabalhar com valores folgados, a fim de evitar ao máximo de se atingir a situação limite. O administrador deve ser avisado o mais rápido possível da proximidade de exaustão da trilha.

    Você configurou para não ver comentários antes de resolver uma questão.