O seu navegador (Generic Browser 0) está desatualizado. Melhore sua experiência em nosso site!
Atualize Agora

A gente tem tudo o que você precisa. Planos a partir de R$22/mês. Aproveite! 🚀

Enem 2020: professora indica temas que podem cair na redação

A redação é uma das etapas mais importantes do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), pois é com ela que o aluno conseguirá um peso maior nos resultados. Por exemplo, se um aluno estiver estudando para um curso disputado, como Direito e Medicina, um bom desempenho nessa fase vai fazer muita diferença na pontuação final.

Por isso, é preciso treinar a escrita. No entanto, a dúvida que fica é sobre o que escrever durante a preparação. Pensando nisso, a professora Ana Machado elencou alguns possíveis temas que podem ser abordados na redação do Enem 2020.

Antes de apostar em temas, é preciso entender a banca do exame. Desde 2017, o Enem é organizado pela Fundação Getúlio Vargas (FGV), que tem especificidades diferentes da antiga, o Cespe.

“A FGV tem um diferencial. Ela gosta de temas mais específicos, mais fechados, e o aluno acaba não tendo para onde o aluno correr. Se ele não abordar corretamente a frase tema, os elementos que ela pede na proposta, o aluno corre o erro de fugir ao tema”, explica a professora.

Característica da banca

Cada banca tem o seu padrão na hora de cobrar o conteúdo em uma prova ou redação. Antiga organizadora do exame, o Cespe, atual Cebraspe, colocava temas mais amplos, deixando espaço para o aluno argumentar de uma maneira mais diversificada.

Com a entrada da FGV, o padrão mudou. Agora, o candidato deve argumentar exatamente de acordo com os elementos que estão na frase tema, que são assuntos bastante específicos.

“É só a gente notar o tema do ano passado, que foi a democratização do acesso ao cinema no Brasil. Se o aluno falasse apenas do cinema, ele tangenciava o tema, pois a FGV queria saber também sobre a democratização, ou seja, o processo de democratizar esse acesso”, explica Ana Machado.

Possíveis temas da redação do Enem 2020

Uma das apostas da professora Ana Machado sobre o assunto da redação é saúde. Já que, segundo a professora, o exame não aborda o tema há muito tempo.

“Acredito que doação de órgãos e doação de sangue sejam bons assuntos que o exame pode trabalhar na redação”, aponta Ana Machado.

Outro assunto mencionado pela professora é o meio ambiente, que pode ser abordado por meio da preservação ambiental.

“A gente viu no ano passado a questão da Floresta Amazônica e neste ano o Pantanal, todo esse impasse entre as queimadas e como conservar esse bioma que é tão importante não só para o país como para o mundo inteiro”, reflete a professora.

Ana Machado também comenta o assunto que está mais em alta em 2020: a pandemia do novo coronavírus (Covid-19). Apesar de alguns professores não concordarem, Ana acredita que a crise sanitária pelo qual o mundo enfrenta pode sim ser cobrada na redação do Enem 2020.

“A pandemia pode ser sim trabalhada e se cair o aluno pode pensar justamente nos setores que sofreram mais, como o turismo, que perdeu bastante com as pessoas ficando em casa, e a educação, com professores e alunos tendo que se adaptar a uma nova realidade da educação à distância”, comenta Ana, acrescentando o setor hospitalar: “A gente não pode esquecer dos hospitais. O Brasil, por exemplo, não teve vagas suficientes para a quantidade de pessoas que sofreram com o coronavírus”.

Sobre esse tema, a professora aconselha o aluno a se inteirar sobre a situação da pandemia Brasil, fazendo uma relação com o que está acontecendo nos outros países, pois será importante para montar a argumentação.

“O Enem sempre vai trabalhar com temas atuais. Não tem jeito”, destaca Ana, comentando sobre assuntos de edições anteriores que foram alvos de reclamação de candidatos, como o cinema: “Não é todo aluno que tem o cinema na sua realidade”.

Quer tirar nota máxima na redação? Envie sua redação para o Redação Perfeita!

Dicas para uma boa redação

Como visto nos parágrafos acima, é fundamental que o estudante que vai fazer a prova do Enem esteja atualizado sobre o que está acontecendo no mundo. Além disso, Ana Machado ressalta sobre a importância da leitura na preparação.

“Não existe um bom redator sem ser um bom leitor”, diz a professora, indicando o estudo de temas de provas anteriores, principalmente aqueles elaborados pela banca FGV: “Pense sobre quais argumentos você poderia utilizar no tema”.

Um sugestão da professora Ana Machado é ler jornais e artigos de opinião, pois a partir deles é possível identificar a estratégia utilizada pelo autor do texto, seus argumentos e como defendeu o posicionamento dele sobre o tema.

Além disso, é preciso treinar bastante, não só com os assuntos já cobrados, mas também a partir de temas sugeridos pelos professores.

Panorama do Enem 2020

O Enem 2020 foi um dos muitos eventos afetados pela crise sanitária no país. Previsto para novembro de 2020, o exame foi adiado para janeiro e fevereiro de 2021. Sendo assim, as novas datas definidas pelo Ministério da Educação (MEC) foram as seguintes:

  • Enem impresso: 17 e 24 de janeiro de 2021
  • Enem digital: 31 de janeiro e 7 de fevereiro de 2021
  • Resultados: a partir de 29 de março de 2021

Seguindo o padrão adotado por outros processos seletivos, as provas do Enem também terão medidas de prevenção à Covid-19, como o uso obrigatório de máscaras e a reserva de uma sala especial para pessoas do grupo de risco. Além disso, candidatos inscritos que forem diagnosticados com a doença poderão remarcar a data da avaliação.

Ao todo, 5.783.357 inscrições foram confirmadas para o Enem 2020. Desse total, 5.687.271 correspondem a inscritos na versão impressa do exame, enquanto 96.086 pessoas optaram por fazer a versão digital.

Provas

As provas do Enem 2020 serão compostas de 180 questões objetivas distribuídas entre quatro áreas de conhecimento, além de uma redação. A divisão entre os domingos será da seguinte maneira:

  • 1º dia: Redação; 45 questões de Linguagens e Códigos; 45 questões de Ciências Humanas
  • 2º dia: 45 questões de Matemática; 45 questões de Ciências da Natureza
Áreas de Conhecimento Componentes curriculares
Linguagens, Códigos e suas Tecnologias e Redação Português, Literatura, Língua Estrangeira (Inglês ou Espanhol), Artes, Educação Física e Tecnologias da Informação e Comunicação
Ciências Humanas e suas Tecnologias História, Geografia, Filosofia e Sociologia
Ciências da Natureza e suas Tecnologias Química, Física e Biologia
Matemática e suas Tecnologias Matemática

Leia mais sobre a redação do Enem:

Para ajudá-lo a se preparar para a tão temida redação e garantir a nota máxima na hora da prova, selecionamos alguns artigos que explicam alguns critérios avaliados pelos examinadores. Veja quais são:


Quer ficar por dentro das principais notícias que rolam no mundo dos concursos? Acompanhe o nosso canal no Telegram e fique por dentro de tudo!

Cadastre-se e faça parte da maior comunidade de ensino on-line do Brasil.