O seu navegador (Generic Browser 0) está desatualizado. Melhore sua experiência em nosso site!
Atualize Agora
Descontos de 3º lote só até 20/01. Não perca a novidade da parceria com o Direção Concursos. EU QUERO!

Concurso ISS Contagem: inscrições são abertas

As inscrições para o concurso ISS Contagem, em Minas Gerais, foram abertas nesta segunda-feira, 13 de janeiro de 2020. O certame oferece 10 vagas para o cargo de Auditor Fiscal, que requer ensino superior completo. O salário pode ultrapassar R$ 7 mil ao lago da carreira.


Principais informações sobre o concurso ISS Contagem:

  • Cargo: Auditor Fiscal - especialidade Fiscalização
  • Vagas: 10
  • Remuneração inicial: R$ 4.229,81 + gratificações
  • Banca: Fundação CEFETMINAS
  • Inscrições: até o dia 13 de fevereiro de 2020
  • Taxa de inscrição: R$ 150,00
  • Prova objetiva: 15 de março de 2020
  • Edital (retificado) e conteúdo programático

Inscrições

Os interessados no concurso público da Prefeitura de Contagem devem se inscrever no site da Fundação CEFETMINAS, banca organizadora do certame, até o dia 13 de fevereiro de 2020. A taxa de inscrição é de R$ 150,00.

Vagas

O certame oferece 10 vagas para o cargo de Auditor Fiscal, com especialidade em Fiscalização, sendo uma reservada para pessoas com deficiência e duas para candidatos pretos ou pardos. A remuneração é de R$ 4.229,81, mais gratificações.

Etapas do concurso

O processo seletivo para Auditor Fiscal será realizado em três etapas: prova objetiva, prova discursiva e uma avaliação de títulos.

A prova objetiva será de caráter eliminatório e classificatório e está prevista para o dia 15 de março de 2020. A avaliação será composta de 75 questões de múltipla escolha, divididas entre as seguintes disciplinas:

  • Português (5);
  • Matemática e Lógica (8);
  • Sistemas e tecnologias de informação (10);
  • Direito administrativo, constitucional, penal e empresarial (10);
  • Economia, Finanças Públicas e Ética (5);
  • Direito tributário (8);
  • Legislação tributária do Município (10);
  • Contabilidade geral e pública (12);
  • Auditoria (7).

A segunda fase consistirá de uma prova discursiva, a ser realizada em até 30 dias após a prova objetiva. As provas terão até cinco questões discursivas devendo abranger temas das áreas de Direito Tributário, Legislação Tributária, Contabilidade Geral e Pública, Auditoria e Sistemas e Tecnologias de Informação.

A terceira e última etapa será uma avaliação de títulos, de caráter classificatório. Esta etapa valerá até cinco pontos, ainda que a soma dos pontos obtidos pelos títulos apresentados seja superior a esse valor.

Os títulos deverão ser entregues no dia previsto para a realização das provas discursivas, conforme o cronograma do concurso e Edital de Convocação para a Prova de Títulos.

Cadastre-se e faça parte da maior comunidade de ensino on-line do Brasil.


Faça login ou cadastre-se para comentar.