O seu navegador (Generic Browser 0) está desatualizado. Melhore sua experiência em nosso site!
Atualize Agora

Prêmio Reclame Aqui 2021: Ajude o Qconcursos a conquistar mais esse prêmio!

Como fazer um cronograma de estudos para a OAB

O Exame da OAB é um grande desafio dos bacharéis em Direito que pretendem seguir a carreira da advocacia. Desafio não só por ser mais uma etapa para chegar ao objetivo profissional, mas também pela baixa taxa de aprovação.

De acordo com o histórico divulgado pela Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) em 2020, em 28 edições do Exame da Ordem Unificado, dos cerca de 1 milhão de participantes que fizeram as provas, somente 660 mil foram aprovados, uma taxa de 61%.

Tendo em vista os números nada amigáveis, quem pretende conquistar a carteira da Ordem deve ter em mente que será preciso muita dedicação, estudo e organização para aumentar as chances de aprovação. E é neste cenário que entra o plano de estudos.

📈 Tendências: resolução de questões da OAB cresce 70% em um ano

A elaboração de um cronograma de estudos pode ser considerada a primeira etapa da preparação para as provas da OAB. Neste artigo, selecionamos algumas dicas que podem auxiliar no início desta jornada.

Conheça sua rotina

O primeiro passo para ter um bom rendimento nos estudos é conhecer a sua rotina. Antes de começar o planejamento, é essencial ter em mãos os horários disponíveis em meio aos compromissos diários que envolvem trabalho, estágio, faculdade, família e afazeres domésticos.

Uma dica é colocar no papel os seus horários e analisá-los. Isso irá ajudar na identificação do tempo livre ou até mesmo chegar à conclusão de que não há disponibilidade para estudar para a prova da OAB.

Isso pode ajudar a evitar aquela frustração ao colocar, por exemplo, 8 horas reservadas ao estudo, quando há somente duas horas disponíveis.

Priorize a aprovação

Identificada a rotina e os obstáculos nela encontrados, é chegado o momento de fazer escolhas e definir prioridades. Não há espaço para dedicar-se aos estudos no seu dia a dia? Encontre-o. Opte por abrir mão de algumas atividades ou delegar outras para que você possa criar tempo para estudar, por exemplo.

Um cronograma de estudos só será eficiente com prioridades.

Seja flexível

A vida é feita de imprevistos. Por isso, é necessário ter um cronograma flexível e adaptável. Os cronogramas feitos semanalmente são ideais para isso. Enquanto um calendário mensal oferece uma visão geral do que precisa ser estudado, os semanais auxiliam nas possíveis alterações da rotina.

Por exemplo, reserve um domingo para criar o plano de estudos. No domingo seguinte, você avaliará o que conseguiu estudar e o que ficou pendente, podendo realizar ajustes para iniciar o novo ciclo.

Saiba o que estudar

As provas objetivas da 1ª fase da OAB são compostas de 80 questões de múltipla escolha de disciplinas obrigatórias do curso de Direito, como Direitos Humanos, Código do Consumidor, Estatuto da Criança e do Adolescente, Direito Ambiental, Direito Internacional, Filosofia do Direito e Estatuto da Advocacia e da OAB.

Já a prova prático-profissional da 2ª fase da OAB traz uma redação e questões discursivas, sob a forma de situações-problema, compreendendo as áreas que o examinando optou no ato da inscrição, que podem ser de Direito Administrativo, Direito Civil, Direito Constitucional, Direito do Trabalho, Direito Empresarial, Direito Penal e Direito Tributário.

Em uma rotina apertada, será difícil abraçar todos os temas indicados neste extenso conteúdo programático da 1ª e 2ª fase do Exame da Ordem. Dessa forma, recomenda-se montar um cronograma de estudos da OAB levando em conta os principais assuntos cobrados em exames anteriores.

📝 Exame OAB: resolva provas anteriores

Pratique com questões

O estudo da teoria é importantel; porém, a prática é decisiva. Além de melhorar a absorção do conteúdo estudado, a resolução de questões possibilita conhecer as características das provas já realizadas.

Cabe ressaltar que as bancas examinadoras tendem a apresentar um perfil na elaboração das questões. Dessa forma, a prática pode ser ainda mais relevante, visto que há mais de 10 anos as edições são organizadas pela mesma banca, a Fundação Getúlio Vargas (FGV).

🎯 Guia de estudos: prepare-se com base nos últimos editais

Isto posto, destine um período dentro do seu cronograma de estudos para o estudo por meio de questões da OAB. Quer uma ajuda? Baixe uma tabela de estudos para a OAB elaborada pela equipe acadêmica do Qconcursos e dê o pontapé inicial na preparação.

📅 Tabela de estudos para quem tem maior tempo livre

1ª semana de estudos

2ª semana de estudos

📅 Tabela de estudos para quem trabalha

Os caminhos são desafiadores, mas com foco, determinação e uma agenda bem definida será possível ficar mais próximo da almejada inscrição nos quadros da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB).


Fique por dentro das principais notícias sobre os exames da OAB e tenha acesso a conteúdos exclusivos no nosso canal do Telegram.

Cadastre-se e faça parte da maior comunidade de ensino on-line do Brasil.