O seu navegador (Generic Browser 0) está desatualizado. Melhore sua experiência em nosso site!
Atualize Agora
Oferta relâmpago: Compre qualquer curso do TRF-3 e ganhe 20% OFF + 1 mês de assinatura Premium! Aproveitar agora!

Após 3 anos de muito estudo e persistência, Aurineide conquistou sua aprovação em 1° lugar na Câmara Municipal de São Luís.

No ano de 2016, eu trabalhava em uma empresa em período integral, ou seja, 8 horas por dia. Em abril do mesmo ano, cheguei a ser demitida devido a uma redução no quadro de funcionários. Confesso que chorei, fiquei totalmente arrasada, mas, na verdade, sempre tive vontade de ser servidora pública. Porém tinha, e ainda tenho, total consciência de que é necessário estudar e batalhar muito pra isso.

Pensando assim, me inscrevi no concurso para Auxiliar Administrativo da FMS de Teresina-PI (minha cidade natal). Na época, não paguei curso preparatório, só comprei uma apostila e não estudei muito. Logo a prova ocorreu no mês de maio, ou seja, um mês após minha demissão.

Resultado: fiquei 7 pontos atrás do último colocado e infelizmente não passei, porém não desanimei.

No mês de agosto, fiz a prova da Prefeitura Municipal (Teresina-PI) para Técnico Administrativo do Tesouro. Até cheguei a ficar classificada, mas em uma posição muito longe do número de vagas que o certame oferecia e também não obtive aprovação.

Início do foco

Meses depois, me matriculei em um curso preparatório para Auxiliar Administrativo do IFPI. Aprendi muita coisa, inclusive o conselho que os professores me deram informando que é fundamental o concurseiro ter foco, ou seja, escolher um cargo e um órgão que pretende seguir. A partir daí, optei por prestar concursos de institutos e universidades federais na área administrativa (cargo de assistente e/ou auxiliar).

No mês de dezembro fiz a prova, mas fui eliminada por ter zerado em Raciocínio Lógico.

Utilização do QC

Em abril de 2017, fiz o concurso da UFVJM na cidade de Unaí (MG) e paguei, através da indicação de algumas pessoas, uma assinatura mensal Premium do QC. Gostei do site e resolvi muitas questões e provas. Achei a prova simplesmente maravilhosa. Quando a vi, imediatamente parei e pensei comigo mesma: “desta vez vai dar certo”.

O “balde de água fria” veio quando fiquei muito longe das vagas oferecidas. Apenas fiquei classificada, pois só consegui fazer 79% da prova, e, na verdade, o concurso foi altamente concorrido. Os candidatos aprovados praticamente “fecharam” a prova.

Persistência

No mês de agosto fiz a prova da UFPI e, em outubro, a da UFMA. Também fiquei apenas classificada em ambas, pois estudava, mas não organizava meu tempo de maneira certa para obter melhores rendimentos e resultados.

Novas oportunidades

No ano passado, finalmente arrumei um estágio em uma empresa privada. Dois meses depois fui efetivada lá, mas, claro, sempre com o objetivo de ser uma servidora pública federal. Então, com mais experiências na bagagem e dinheiro para custear viagens caras e de longa distância, fiz as provas da UFS, da UFPA, da UFRN e do IFMA. Esse último para o cargo de Administrador, até porque eu já estava concluindo a faculdade de Administração e cansada de “bater na trave”. Resolvi focar ainda mais na minha área, só que agora em um cargo de nível superior e mais seletivo. Foi quando abriu o edital da Câmara Municipal de São Luís, e senti que ele poderia ser o primeiro degrau rumo ao meu sonho. Pra melhorar ainda mais a minha situação, o Qconcursos disponibilizou o Guia de Estudos, onde pude explorá-lo.

Enfim o resultado final saiu: primeiro lugar no cargo de Administrador, ainda sem acreditar, pois não imaginava que seria nessa posição e sem empates.

Apesar das minhas tentativas sem sucesso, ao longo desses três anos na vida de concurseira, nunca pensei em desistir e continuarei em busca de novas aprovações. Acredito que a minha persistência foi o que me fez conseguir chegar até aqui.

Sou grata primeiramente a Deus, ao Qconcursos e a uma pessoa mais que especial que também acreditou na minha capacidade, me ajudou e continua me ajudando durante todos esses anos — também dedico essa vitória a ela.

Dica

Não existe segredo, muito menos fórmula mágica. Na verdade, acredito que o concurseiro deve se autodescobrir, ou seja, encontrar a melhor forma de aprender e saber estudar, além de manter o foco, a motivação e a persistência.

Cadastre-se e faça parte da maior comunidade de ensino on-line do Brasil.