Atualizando histórico

Estamos atualizando seu histórico de questões resolvidas, por favor aguarde alguns instantes.

Menu
Cadastre-se ASSINAR

Questões de Concursos - Questões

ver filtro
filtros salvos
  • Você ainda não salvou nenhum filtro
    • Apenas que tenham
    • Excluir questões
    salvar
    salvar x
    limpar
    1 questão encontrada
    Ano: 2015
    Banca: INEP
    Órgão: ENEM
    Yaô

    Aqui có no terreiro
    Pelú adié
    Faz inveja pra gente
    Que não tem mulher

    No jacutá de preto velho
    Há uma festa de yaô

    Ôi tem nêga de Ogum
    De Oxalá, de Iemanjá

    Mucama de Oxossi é caçador
    Ora viva Nanã

    Nanã Buruku
    Yô yôo
    Yô yôoo

    No terreiro de preto velho iaiá
    Vamos saravá (a quem meu pai?)
    Xangô!

    VIANA, G. Agô, Pixinguinha! 100 Anos. Som Livre, 1997.

    A canção Yaô foi composta na década de 1930 por Pixinguinha, em parceria com Gastão Viana, que escreveu a letra. O texto mistura o português com o iorubá, língua usada por africanos escravizados trazidos para o Brasil. Ao fazer uso do iorubá nessa composição, o autor

    Você configurou para não ver comentários antes de resolver uma questão.