Atualizando histórico

Estamos atualizando seu histórico de questões resolvidas, por favor aguarde alguns instantes.

Menu
Cadastre-se

Literatura - Modernismo

Autor Arenildo dos Santos   Disciplina: Português

Pré - Modernismo

I- Panorama Externo

O final do século XIX representa para o mundo a maior fase de inquietação espiritual e intelectual. Até então, o mundo sempre teve o sustento de alguma teoria filosófica, que justificava e orientava o comportamento humano.  Este período é o de clímax de uma frustração.  Apesar de todas as filosofias, antes e depois de Cristo, o Homem se encontra agora na mesma situação de qualquer outra época da sua história.  As grandes perguntas não foram respondidas.  O mistério da morte persiste.  A indefinição da vida continua.  O enigma da existência ou não de Deus se fortifica.  E a instabilidade humana cresce aceleradamente ante a ameaça de uma guerra mundial.  A esta fase deu-se o nome de ‘Belle Époque’, época de vazio e de desorientação.  Numa tentativa de se evitar uma total perdição, é que o Homem começa a fazer de tudo, tenta todas as alternativas, revelando o fenômeno da inquietude e o niilismo, estado de desequilíbrio. Proliferam-se teorias na Literatura, dentre as quais se podem enaltecer, pela influência exercida na nossa literatura em todo o século XX.  Ei-las:

Arenildo Santos, Prof. de Português.
  • Compartilhe
Textos relacionados