Atualizando histórico

Estamos atualizando seu histórico de questões resolvidas, por favor aguarde alguns instantes.

Menu
Cadastre-se

Questões de Concursos - Questões

ver filtro
filtros salvos
  • Você ainda não salvou nenhum filtro
    • Apenas que tenham
    • Excluir questões
    salvar
    salvar x
    limpar
    1 questão encontrada
    01
    Q568564
    Ano: 2010
    Banca: FGV
    Órgão: FIOCRUZ
    O arranjo taxonômico mais recente, e aceito por muitos autores, das micobactérias segue as propostas iniciais do International Working Group on Mycobacterial Taxonomy (IWGMT). As propostas incluíam estudos polifásicos com diferentes propriedades biológicas das espécies tais como caracterizações quimiotaxonômica e filogenética. Sobre os bacilos micobacterianos de crescimento lento potencialmente patogênicos, de uma das categorias sugeridas pelo IWGMT, analise as afirmativas a seguir.

    I. O complexo M. avium–intracellulare inclui M. avium subsp. avium, M. avium subsp. paratuberculosis (Map), M. avium subsp. silvaticum, e M. intracellulare, que constituem o grupo III de Timpe & Runyon (1954) e são distribuídas em “serovares". Tais espécies (ou subespécies) são consideradas patógenos potenciais em seres humanos, algumas patógenos obrigatórios como M. avium subsp. silvaticum.

    II. A espécie M. kansasii consiste em um dos três principais patógenos micobacterianos de crescimento lento frequentemente isolados de pacientes imunocompetentes ou imunocomprometidos com doença pulmonar no mundo. A espécie pode ser subdividida em cinco genótipos baseados em técnicas moleculares de análise de fragmentos após restrição enzimática e hibridização com sondas IS1652. Estudos filogenéticos indicam maior homologia (similaridade) com dessa espécie com M. gastri.

    III. Dentre bacilos micobacterianos não pertencentes ao complexo M. tuberculosis e não patogênicos, estão M. genavense, M. haemophilum, M. malmoense, M. marinum e M. simiae.

    Assinale: 

    Você configurou para não ver comentários antes de resolver uma questão.