O seu navegador (Generic Browser 0) está desatualizado. Melhore sua experiência em nosso site!
Atualize Agora

A gente tem tudo o que você precisa. Planos a partir de R$22/mês. Aproveite! 🚀

Concurso TJDFT: 111 vagas previstas para 2021

Divulgado na última segunda-feira, 31 de agosto, o PLOA prevê o provimento de 111 vagas para o Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios em 2021. A informação indica a realização de um novo concurso TJDFT, como o Secretário-Geral do Tribunal adiantado em 2019.

O Projeto de Lei Orçamentária Anual estima a receita e despesas do governo do ano subsequente. De acordo com o documento, que ainda passará por votação no Congresso Nacional, estão previstas um total de 53.111 vagas, sendo 50.946 seriam para preenchimento de cargos vagos e 2.165 para a criação de novas oportunidades.

PLOA prevê 53 mil vagas para 2021

Cargos vagos

Atualmente, o TJDFT acumula um total de 438 cargos vagos de Técnico (211), Analista (224) e Auxiliar (3). O levantamento é de agosto de 2020.

O cargo de Analista exige nível superior de escolaridade, enquanto o de Técnico exige nível médio e o de Auxiliar, de nível fundamental.

Remuneração

Os salários iniciais dos servidores do TJDFT variam de R$ 3,8 mil (nível fundamental) a R$ 12,4 mil (nível superior). Os vencimentos são atrativos, pois o tribunal, apesar de ter uma atuação distrital, é um órgão da justiça federal e assim, é comparado aos tribunais regionais federais.

Um Analista Judiciário do TJDFT começa a carreira recebendo R$ 12.455,30, incluindo gratificações. Já a remuneração inicial de um Técnico Judiciário é de R$ 7.591,36 e de um Auxiliar do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios é de R$ 3.890,68.

Além da gratificação, os concursados recebem adicionais de treinamento e qualificação, que variam de 1% a 3%. Todos os valores são referentes ao ano de 2019.

Comece a estudar: resolva questões de provas anteriores com foco no TJDFT

Último concurso

O último certame do TJDFT aconteceu em 2015 e foi organizado pelo Cebraspe, antiga Cespe. Na época, foram oferecidas 80 vagas para Técnico e Analista em diversas especialidades.

Analista Judiciário

  • Análise de Sistemas;
  • Biblioteconomia;
  • Psicologia;
  • Suporte em TI;
  • Medicina;
  • Odontologia;
  • Judiciária;
  • Oficial de Justiça Avaliador.

Técnico Judiciário

  • Área administrativa;
  • Enfermagem;
  • Programação de Sistemas.

O processo seletivo foi constituída de provas objetiva, discursiva e de títulos. A prova objetiva foi composta de questões na modalidade CERTO ou ERRADO de Conhecimentos Gerais e Conhecimentos Específicos de cada especialidade.

A prova discursiva consistiu em uma redação de, no máximo 30 linhas a respeito de temas relacionados a conhecimentos específicos de cada área.

Confira o edital e conteúdo programático do último concurso do TJDFT


Quer ficar por dentro das principais notícias que rolam no mundo dos concursos? Acompanhe o nosso canal no Telegram e fique por dentro de tudo!

Cadastre-se e faça parte da maior comunidade de ensino on-line do Brasil.