O seu navegador (Generic Browser 0) está desatualizado. Melhore sua experiência em nosso site!
Atualize Agora

Faltam 7 dias

⚠️ Atenção: Reserve sua vaga na Black November e não perca o maior desconto!

GARANTIR DESCONTO

Concurso TJ RJ: mudanças na comissão

O Diário de Justiça do Rio de Janeiro desta quarta-feira, 30 de setembro de 2020, trouxe novidades sobre o concurso TJ RJ. Uma portaria altera a composição da comissão do certame para o cargo de Analista Judiciário sem especialidade.

De acordo com o documento, a comissão do concurso público será composta pelos seguintes membros:

  • Desembargador Peterson Barroso Simão (Presidente);
  • Doutora Eunice Bitencourt Haddad (juíza de Direito Auxiliar da Presidência);
  • Doutor Gustavo Quintanilha Telles de Menezes (Juiz de Direito Auxiliar da Corregedoria-Geral da Justiça);
  • Senhor Gabriel Albuquerque Pinto (Diretor-Geral da Diretoria-Geral de Gestão de Pessoas);
  • Senhor Alessandro Borges Valente (Diretor da Divisão de Captação do Departamento de Desenvolvimento de Pessoas da Diretoria-Geral de Gestão de Pessoas).

Vale lembrar que o concurso do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro para Analista Judiciário e Técnico Judiciário foi suspenso em abril de 2020 devido à pandemia do novo coronavírus (COVID-19) no país.

Em vídeo publicado nas redes sociais, o presidente do órgão, desembargador Cláudio e Mello Tavares, aconselhou os candidatos a seguir estudando até que as atividades do concurso sejam retomadas e um novo cronograma divulgado.

Concurso TJ RJ

O certame do TJ do Rio oferece 160 vagas para os cargos de técnico e analista, que exigem níveis médio e superior de escolaridade respectivamente. São 85 vagas para Técnico Judiciário e 75 para Analista Judiciário.

O processo seletivo será aplicado por meio de uma prova objetiva de caráter eliminatório para todos os cargos. No caso da seleção de analista, haverá ainda uma prova discursiva, também de caráter eliminatório e classificatório, e uma prova de títulos, de caráter exclusivamente classificatório.

A prova objetiva será composta de 60 questões de múltipla escolha de Conhecimentos Gerais (20) e Conhecimentos Específicos (40).

Já a prova discursiva consistirá em uma redação de até 30 linhas, a respeito de temas relacionados aos conhecimentos específicos de cada especialidade.

A avaliação de títulos, última etapa do concurso para analista do TJ RJ, aceitará os seguintes documentos:

Somente serão convocados para a prova de títulos os candidatos habilitados nas etapas anteriores.

Remuneração

A função de Analista do TJ RJ tem a remuneração de R$ 6.373,89 e jornada de trabalho de 40 horas semanais. Já um Técnico Judiciário tem remuneração de R$ 3.870,06 e jornada de trabalho de 40 horas semanais.

Além da remuneração base, os servidores do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro recebem benefícios, como:

  • auxílio-alimentação: R$1.230,00
  • auxílio-creche: R$1193,36 por filho elegível
  • auxílio-saúde: R$268 por pessoa (titular e dependentes)
  • auxílio-transporte: R$ 17 por dia

Principais informações sobre o concurso TJ RJ:

  • Situação: suspenso
  • Vagas: 160
  • Cargos: Técnico Judiciário e Analista Judiciário (com e sem especialidade)
  • Escolaridade: níveis médio e superior
  • Banca: Cebraspe/Cespe
  • Remuneração: de R$ 3.870,06 a  R$ 6.373,89
  • Inscrições: suspensas
  • Taxa de inscrição: R$ 100,00 (nível superior) e R$ 80,00 (nível médio
  • Edital (Técnico)
  • Edital (Analista)

Quer ficar por dentro das principais notícias que rolam no mundo dos concursos? Acompanhe o nosso canal no Telegram e fique por dentro de tudo!

Cadastre-se e faça parte da maior comunidade de ensino on-line do Brasil.


Faça login ou cadastre-se para comentar.