O seu navegador (Generic Browser 0) está desatualizado. Melhore sua experiência em nosso site!
Atualize Agora

A gente tem tudo o que você precisa. Planos a partir de R$22/mês. Aproveite! 🚀

Concurso TCU: PLOA 2021 prevê 30 vagas

O concurso TCU tem novidades. O Projeto de Lei Orçamentária Anual de 2021 (PLOA 2021), que foi encaminhado pelo governo federal ao Congresso Nacional nesta segunda-feira, 31 de agosto, traz a previsão de 30 vagas para o Tribunal de Contas da União.

O concurso público do Tribunal de Contas da União foi autorizado em março de 2020. Diferentemente das 30 vagas apresentadas no projeto, foram divulgadas 20 vagas para Auditor de Controle Externo, além do cadastro de reserva.

  • Vagas: 30 (PLOA 2021)
  • Cargo: Auditor de Controle Externo
  • Escolaridade: nível superior
  • Remuneração inicial: R$ 22 mil
  • Último concurso: 2015 (Auditor e Técnico)
  • Edital 2015: TCU Auditor

Além das oportunidades, o PLOA traz a previsão de arrecadação do órgão, que inclui inscrição em concursos e processos seletivos. De acordo com o documento, a receita prevista para esta parte é de R$ 1.100.100.

Vale ressaltar que o Projeto de Lei Orçamentária Anual de 2021 do governo federal ainda precisa ser aprovado pelo Congresso Nacional.

PLOA 2021 prevê 53 mil vagas em concursos federais

Cargos e remuneração

O cargo de Auditor de Controle Externo, previsto para o certame, exige ensino superior completo em qualquer área de formação. A remuneração inicial é de cerca de R$ 22 mil, podendo ultrapassar R$ 30 mil no fim da carreira.

Além da remuneração base, o servidor recebe um auxílio-alimentação no valor de R$ 982,10, além do auxílio-saúde de R$ 174,48 e o pré-escolar, no valor de R$ 768,90.

A carga horária do TCU é de 7 horas por dia, por exemplo. Além disso, o servidor da casa tem recesso de 30 dias no fim de ano, entre 17 de dezembro e 16 de janeiro.

Último concurso

O último certame do TCU aconteceu em 2015 e foi organizado pelo Cebraspe, antiga Cespe. Aliás, as últimas 10 seleções do Tribunal de Contas da União foram organizadas pelo Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe).

O certame de 2015 foi realizado por meio de uma prova objetiva com questões de Conhecimentos Básicos e Conhecimentos Específicos e de uma prova discursiva composta de duas questões discursivas e uma peça de natureza técnica.

Veja as matérias cobradas no certame de 2015:

  • Português
  • Direito Civil
  • Língua Inglesa
  • Direito Processual Civil
  • Raciocínio Analítico
  • Direito Penal
  • Matemática Financeira
  • Auditoria Governamental
  • Noções de Estatística
  • Análise de Informações
  • Controle Externo
  • Direito Constitucional
  • Direito Administrativo
  • Auditoria Governamental
  • Noções de Economia do Setor Público e da Regulação
  • Contabilidade
  • Administração Financeira e Orçamentária
  • Administração Pública
  • Auditoria de TI
  • Gestão, Governança de TI e Engenharia de Software
  • Desenvolvimento de Sistemas
  • Infraestrutura e TI
  • Segurança da Informação
  • Fiscalização de Contratos de TI

A seleção teve 9.417 inscritos para Auditor. Na área de Tecnologia da Informação, 2.446 concorreram a 30 vagas, o que equivale a uma concorrência de mais de 81 pessoas por vaga. A nota de corte foi de 57,2% de aproveitamento nas provas (171,8 de 300 possíveis).


Quer ficar por dentro das principais notícias que rolam no mundo dos concursos? Acompanhe o nosso canal no Telegram e fique por dentro de tudo!

Cadastre-se e faça parte da maior comunidade de ensino on-line do Brasil.