O seu navegador (Generic Browser 0) está desatualizado. Melhore sua experiência em nosso site!
Atualize Agora

A gente tem tudo o que você precisa. Planos a partir de R$22/mês. Aproveite! 🚀

Concurso PF: autorização publicada; 1.500 vagas

Foi publicado no Diário Oficial da União nesta sexta-feira, 11 de dezembro, a portaria que autoria a realização do concurso PF. No começo da semana, nossa equipe de jornalismo já havia divulgado o documento obtido pelos nossos parceiros, Direção Concursos.

A seleção irá ofertar 1.500 vagas para os cargos de Delegado, Escrivão, Papiloscopista e Agente de Polícia.

O edital está previsto para sair em até seis meses, contando a partir da sua data de publicação, ou seja, até o dia 11 de junho de 2021.

Confira o documento:

Vale lembrar que a autorização do concurso da Polícia Federal era bastante aguardada pelos concurseiros, pois há alguns meses o ministro da Justiça e Segurança Pública, André Mendonça, falou sobre a seleção em uma entrevista.

Além disso, o presidente Jair Bolsonaro reforçou diversas vezes sobre a publicação do edital.

Apesar da previsão de duas mil vagas, o documento oficial trouxe a autorização de 1.500 oportunidades que irão somar aos 10.000 policiais do quadro de pessoal da corporação.

Agora, o órgão já pode iniciar os trâmites para a escolha da banca e, por fim, a divulgação do edital de abertura.

Confira o vídeo publicado no dia 9 de dezembro.


Principais informações sobre o concurso PF:

  • Situação: AUTORIZADO!
  • Vagas: 1.500
  • Cargos: Delegado, Escrivão, Agente e Papiloscopista
  • Escolaridade: nível superior
  • Remuneração inicial: de R$ 12.522,50 a R$ 30.936,91
  • Banca: a definir
  • Último concurso: Cebraspe/Cespe, 2018

Vagas

Ao todo foram autorizadas 1.500 vagas que serão distribuídas entre cargos de nível superior, confira:

  • Delegado de Polícia Federal (123)
  • Escrivão de Polícia Federal (400)
  • Papiloscopista (84)
  • Agente de Polícia Federal (893)

A carreira na Polícia Federal é dividida entre níveis: especial, classe 1, classe 2 e classe 3.

A remuneração inicial do cargo de Delegado da PF é de cerca de R$ 23 mil, podendo ultrapassar R$ 30 mil ao fim da carreira.

Já para Agente, Escrivão e Papiloscopista, o salário inicial é por volta de R$ 12,5 mil, chegando a R$ 18,6 mil.

Concurso PF: comece a preparação com edital esquematizado e tabelas de estudos

Último concurso PF

O último processo seletivo da Polícia Federal foi realizado em 2018 e organizado pela banca Cebraspe, antiga Cespe. Na época, a seleção ofertou 500 vagas para Delegado, Perito Criminal, Agente, Escrivão e Papiloscopista.

Os candidatos foram avaliados por meio das seguintes sequências de etapas, estabelecidas de acordo com o cargo selecionado.

  • Para Agente e Papiloscopista foram cinco etapas: Prova Objetiva; Prova Discursiva; TAF; Avaliação Médica e Avaliação Psicológica.
  • Para Escrivães, seis etapas: Prova Objetiva; discursiva; TAF; Exame de Digitação; Avaliação Médica e Avaliação Psicológica.
  • Para Delegados, sete etapas: Prova Objetiva; Discursiva; TAF; Prova Oral, Avaliação Médica, Avaliação Psicológica e Títulos.
  • Já para Peritos, as etapas foram em número de sete: Prova Objetiva; Prova Objetiva, Discursiva; TAF; Avaliação Médica, Avaliação Psicológica e Títulos.

Resolva as provas do último concurso da Polícia Federal


Quer ficar por dentro das principais notícias que rolam no mundo dos concursos? Acompanhe o nosso canal no Telegram e fique por dentro de tudo!

Cadastre-se e faça parte da maior comunidade de ensino on-line do Brasil.