Ser pai adiantou os planos – e trouxe a força para a ele ser aprovado!

Início » Aprovados » Ser pai adiantou os planos – e trouxe a força para a ele ser aprovado!
By | 2018-09-26T09:26:56+00:00 25 de setembro de 2018|Aprovados|

1º Lugar no TRF

Olá, meu nome é Allyson Lyel, fui aprovado em vários cargos públicos dos meus 21 aos 24 anos, enquanto ainda cursava minha faculdade de Direito. Atualmente, ocupo o cargo de Técnico Judiciário no TRE/PI, acumulado com a função de confiança de Chefe de Cartório Eleitoral e aguardo tantas outras nomeações, em especial, um cargo decorrente de minha última vitória, a aprovação em 1º Lugar Geral na Seção Judiciária do Piauí no TRF da 1º Região para o cargo de Oficial de Justiça Avaliador Federal.

Nascido em Sobral/CE, Bacharel em Direito e Pós-Graduado em Ciências Criminais, já posso me considerar um “Concurseiro Profissional”, pois apesar da pouca idade, 25 anos, já prestei 23 concursos. Desse número, as reprovações são preponderantes, mas lembro, com muito orgulho, as minhas aprovações.

A escolha da faculdade

Eu escolhi o Curso de Direito já pensando em um futuro Cargo Público, afinal as condições de trabalho, remuneração, benefícios e a tão sonhada estabilidade são tentadoras! Inicialmente, eu queria aprofundar meus estudos acadêmicos, mas dois motivos anteciparam meu preparo concursal: as orientações de meu pai (aqui aproveito para agradecer) e a notícia de que eu seria pai com apenas 19 anos!

Esse último motivo foi como um terremoto em minha vida. Após o baque de realidade, coloquei na balança os sentimentos e consegui enxergar oportunidade na situação. Transformei as circunstâncias em força para fixar um planejamento para a aprovação, com muita força de vontade, disciplina e abdicação. Desde então, entendo que cada acontecimento tem uma função, e cada adversidade é uma lição. E, hoje, tenho o prazer de afirmar que a vinda da minha filhota foi a melhor coisa que já aconteceu em minha vida.

A opção pelos concursos públicos

Em decorrência disso tudo, já no começo da Faculdade de Direito, iniciei minha preparação para Concursos Públicos, e de cara o esforço gerou resultados. Em poucos meses, já tinha sido aprovado em várias seleções de estágios jurídicos, que ofereciam excelentes bolsas, aptas a me manter e a confortar minha filha, dentre elas: TRT, MPT, MPE, TJCE e TRF, nesse último estagiei por 2 anos, fiz excelentes amizades e reforcei ainda mais meu objetivo de ingressar no serviço público.

Inicialmente, os estudos eram cercados de erros primários, pois não tinha um foco bem definido, gerando uma variação negativa de disciplinas, além de não utilizar as ferramentas ideais de estudo. Após alguns equívocos, o tempo moldou minha preparação e consegui consolidar um objetivo concreto, eliminar pontos negativos e adquirir os instrumentos de estudo corretos.

Dessa forma, o preparo ficou voltado para Tribunais, com o intuito de garantir o “Concurso Escada” e, assim, focar nos “Concursos de Elite”, os quais exigem mais tempo de preparação, mais investimentos em materiais e em viagens, além da exigência de prática jurídica, em regra de 3 anos, a qual ainda não atingi. Me especializei em Tribunais, com exceção dos trabalhistas, por considerar um pouco mais específico do que o restante, isso me ajudou, pois, excluí as disciplinas de Trabalho e Processo do Trabalho do meu rol de matérias. E, assim, obtive bons resultados.

Aos 23, fui aprovado no TRE/PI, órgão que permaneço até os dias atuais, onde ocupo o cargo de Técnico Judiciário, acumulando uma Função Comissionada de Chefe de Cartório Eleitoral.

Aprendendo a se organizar

O planejamento é a pedra basilar do concurseiro! No meu caso, a organização e a disciplina surtiram efeitos grandiosos, já que alcancei um excelente “Cargo Escada”, aguardando ainda nomeações para tantos outros cargos formidáveis e mantendo um ritmo de estudo considerável para os “Concursos de Elite” vindouros. Portanto, considero a organização e o foco no cargo essenciais na preparação do concurseiro, pois estamos falando de um verdadeiro projeto a ser traçado em médio a longo prazo.

Ressalto que o meu trajeto foi árduo, devido ao fato de ter sido pai muito jovem e por ter como atividade exclusiva “só estudar”. A cobrança pessoal era gigantesca, não me permitia relaxar ou ter muitos momentos de prazer, pois me considerava na obrigação de ser aprovado o quanto antes. Tal fato me motivava a estudar todo dia e o tempo todo, sendo numa média de 4 horas matinais, 3 horas no período da tarde e, à noite, eu forçava até onde a mente e o corpo aguentassem.

Depois de um tempo, percebi que o exagero foi prejudicial, tanto é que com uma posterior preparação mais tranquila, quando já ingressara no serviço público, sem tanta cobrança, e até praticando atividades físicas, obtive o 1º Lugar num concurso de elevadíssimo nível e sonhado por muitos, o de Oficial de Justiça Avaliador Federal do TRF da 1ª Região.

Estudando com Qconcursos.com

Mas nem só de planejamento e força de vontade vive o Concurseiro, os materiais e as ferramentas de estudo são indispensáveis. E o Qconcursos, nesse quesito, ganha uma medalha, pois sem dúvidas foi muito importante na minha trajetória. Exercitar o que se estudou é a chave para fixar e complementar o conhecimento.
Eu colocava como meta resolver no mínimo 150 questões diárias, sendo que já cheguei a solucionar mais de 500 em um único dia, nos períodos pré-prova em que organizava minhas revisões baseadas em feitura de questões. Não faço ideia de quantas questões já resolvi ao todo no Qconcursos, mas foram milhares! Cada questão resolvida representou um bloco na construção de minhas aprovações.

Só tenho a agradecer a todos que participaram desse trajeto imensamente recompensador! Em especial minha família, que nunca deixou faltar nada e me possibilitou agarrar as oportunidades; e, à época namorada, mas hoje noiva, por ter tido a paciência de abdicar muitas coisas ao meu lado e por ser uma excelente mãe.

Atualmente, vivo como já sonhei um dia, me sinto imensamente privilegiado, possuindo ainda disponibilidade financeira e tempo para lutar e alcançar novos cumes, como concretizar um Mestrado e ser aprovado nos “Cargos Elite” de meu novo foco: Procuradorias, em especial Advogado da União e Procurador de Estado.

Boa sorte. Nunca desistam!

Se inspirou na história do Allyson mas não sabe por onde começar?

Conheça todos os concursos abertos e previstos no Brasil.

Assine Qconcursos.com e tenha todo o material necessário para seus estudos.

Comentários