O que faz um Analista do MPU?

Início » Destaque » O que faz um Analista do MPU?
By | 2018-09-06T11:41:38+00:00 06 de setembro de 2018|Destaque, Notícias Concursos|

Uma das melhores notícias do ano para os graduados em Direito: o Ministério Público da União está com as inscrições abertas para o seu concurso. São 36 vagas exclusivas para a especialidade. O salário muitos já sabem, mas você já se perguntou o que faz um analista do MPU? Confira agora tudo sobre essa tão sonhada carreira.

Primeiramente, quais são os requisitos?

Para o concurso MPU 2018 o cargo de analista exige o diploma de conclusão de curso de graduação de nível superior em Direito, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC).

Quanto ganha um analista do MPU?

A remuneração inicial é de R$ 11.259, 81 e, assim como para o cargo de técnico, há reajustes salariais programados. Independentemente do tempo de carreira os salários serão reajustados da seguinte forma:
Novembro de 2018 – R$12.500,61
Janeiro de 2019 – R$13.339,30

Ótimos benefícios!

Além do bom salário, há muitos benefícios para o cargo, como:

  • Estabilidade empregatícia garantida pelo regime estatutário de contratação.
  • Auxílio alimentação.
  • Auxílio Creche para filhos até 6 anos.
  • Gratificações como: Gratificação de Atividade do Ministério Público da União (GMPU), de Qualificação e Treinamento (GQT) e Gratificação por Projetos.

 

Qual a área de atuação?

Inicialmente não é possível escolher qual área irá trabalhar pois o MPU se divide em 4 ramos e os aprovados serão alocados de acordo com a necessidade dos seguintes  ministérios:

  • Ministério Público Federal (MPF).
  • Ministério Público do Trabalho (MPT).
  • Ministério Público Militar (MPM).
  • Ministério Público do DF e territórios (MPDFT).

Qual é o plano de carreira?

A carreira é promissora, os servidores poderão chegar ao seu ápice em 13 anos, com os respectivos reajustes. Anualmente existem avaliações de desempenho que decidem a promoção de cada servidor.
Atualmente no auge da carreira a remuneração ultrapassa 15mil!

Uma carreira completa para profissionais de Direito!

Esse é um dos cargos mais desejados pelos estudantes e graduados em Direito, pois o profissional irá trabalhar nas maiores instituições do país e conviver diretamente com procuradores e membros.
Entre as funções o analista poderá assessorar, dentro ou fora do ambiente da sede de trabalho, os membros e as chefias em processos judiciais e administrativos e em procedimentos extrajudiciais; atuar em processos judiciais e administrativos e em procedimentos extrajudiciais; assessorar os membros e as chefias em eventos oficiais, audiências e diligências; realizar avaliações e vistorias; realizar perícias, quando formalmente designado pelo órgão competente; acompanhar o desenvolvimento de trabalhos periciais; realizar estudos, pesquisas e levantamentos de dados; elaborar e analisar informações, certidões e muitas outras funções.

 

É possível ser realocado ou mudar de ramo?

Ao fazer sua inscrição você irá escolher para qual estado quer prestar e na posse será alocado de acordo com as necessidades do ministério. Mas há chance de ser realocado após um ano, para isso existe o processo de remoção e a permuta, em que você pode conhecer um servidor nomeado que queira trocar com você.

Gostou? Bons salários, benefícios, plano de carreira, um trabalho sem rotinas e com muitas possibilidades… vale a pena, não é mesmo? Então, intensifique seus estudos!

 

O que estudar?

Assine Qconcursos.com e tenha acesso a um Guia de estudos especial para o cargo de analista.

Estude com mais de 7 mil questões do MPU.

Estude com 193 mil questões do Cespe, a banca organizadora.

Comentários