O seu navegador (Generic Browser 0) está desatualizado. Melhore sua experiência em nosso site!
Atualize Agora

DÊ UM UPGRADE NA SUA PREPARAÇÃO - Torne-se assinante e transforme seus estudos!

CONHEÇA NOSSOS PLANOS

Competências da Redação do ENEM: competência 2 - Compreensão do tema, tipologia textual e repertório

Um dois maiores temores de quem fará a Redação do ENEM é a fuga ao tema. A competência 2 serve justamente para avaliar esse elemento: a compreensão da proposta temática. Além disso, essa competência também verifica se o texto cumpre a tipologia dissertativo-argumentativa e se os argumentos possuem um bom repertório sociocultural.

Competência II - Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo em prosa

A proposta temática da redação do ENEM é constituída por alguns textos motivadores. Tais textos servem para guiar o candidato sobre qual assunto deve ser abordado na redação. Assim, se ocorrer fuga ao tema, ou seja, o aluno abordar assunto diferente do proposto, a redação será zerada. Além disso, se o aluno abordar o tema de forma parcial, isto é, de forma incompleta, expondo apenas alguns elementos da frase temática, a redação será julgada como tangente ao tema e a nota será prejudicada. Portanto, é muito importante ler mais de uma vez os textos motivadores e a frase temática para interpretar corretamente a proposta.

Outro ponto a ser avaliado nessa competência é a tipologia textual. A redação do ENEM trabalha com a dissertação-argumentativa. Logo, o aluno deve seguir o padrão dessa tipologia e a estrutura, que é formada por introdução, desenvolvimento e conclusão. Se no texto não constar alguma dessas partes, a nota será reduzida. Ainda, se alguma dessas partes for elaborada por parágrafos embrionários, ou seja, parágrafos curtos (com até 3 linhas) a nota também será prejudicada.

Por último, essa competência também avalia o repertório sociocultural. É importante que os argumentos estejam pautados por alguma informação histórica, conceitual, cultural ou até mesmo jornalística. Isso comprova que o aluno é bem informado, possui visão de mundo e senso crítico. Além disso, um bom repertório não permite que as ideias fiquem no senso comum e a argumentação se torna inovadora. Importante lembrar que repertórios pautados nos textos motivadores receberão nota menor e repertórios que não estejam de acordo com o tema também terão a nota reduzida.

A seguir estão as notas que podem ser atribuídas nessa competência e as especificações para cada valor:

Nível Pontuação Especificação
1 40 Tangência ao tema OU texto composto por aglomerado de palavras OU traços constantes de outros tipos textuais
2 80 Abordagem completa do tema E 3 partes do texto (2 delas embrionárias) OU conclusão finalizada por frase incompleta. * Textos que apresentam muitos trechos de cópias dos textos motivadores não ultrapassam esse nível
3 120 Abordagem completa do tema E 3 partes do texto (1 delas pode ser embrionária) E repertório baseado nos textos motivadores E/OU repertório não legitimado E/OU repertório legitimado, MAS não pertinente ao tema
4 160 Abordagem completa do tema E 3 partes do texto (nenhuma delas embrionária) E repertório legitimado E pertinente ao tema, SEM uso produtivo
5 200 Abordagem completa do tema E 3 partes do texto (nenhuma delas embrionária) E repertório legitimado E pertinente ao tema, COM uso produtivo

Como estudar?

Para esse critério é importante treinar a interpretação da proposta temática. Analise e interprete os temas anteriores das redações do ENEM. Além disso, leia bastante e esteja informado sobre o que acontece no país e no mundo para a construção de um bom repertório sociocultural. Por fim, estude teorias textuais sobre a dissertação-argumentativa e treine com a escrita da redação (pelo menos duas por semana) para entender a estrutura e o padrão dessa tipologia textual.

Bons estudos e até a próxima!

Cadastre-se e faça parte da maior comunidade de ensino on-line do Brasil.